Caixa sob investigação: PF suspeita de fraude na compra do Banco Panamericano




A Polícia Federal lançou nesta quarta-feira (19) a operação Conclave, para apurar suspeita de fraude na compra de ações do Banco Panamericano, feita pela Caixa Participações. Foram emitidos 46 mandados de busca e apreensão e bloqueio de R$ 1,5 bi de contas de suspeitos, tudo determinado pela Justiça Federal.

Segundo matéria publicada na Reuters, foi apurado pela investigação que as ações suspeitas culminaram com a compra e venda de ações do Banco Panamericano pela Caixa Participações, em 2009, e com a posterior compra e venda de ações significativas do Banco Panamericano pelo Banco BTG Pactual, acrescentou a polícia.

Para a operação foram mobilizados aproximadamente 200 agentes, para cumprir os mandados emitidos pela Justiça e expedidos pela 10ª vara Federal de Brasília. As buscas e apreensões serão cumpridas em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Londrina.

Três núcleos do esquema foram identificados pela investigação: um formado por agentes públicos, outro por consultorias e o núcleo de empresários. Os agentes públicos seriam os responsáveis pela assinatura de documentos (pareceres e contratos), as consultorias emitiam pareceres para legitimar os negócios e os empresários colocavam suas empresas para dar legitimidade aos negócios, de acordo com a PF.

Os envolvidos responderão por suspeita de gestão temerária ou fraudulenta, de acordo com o seu envolvimento e com o que ainda vai ser descoberto.

O nome da operação se deu pelo fato das negociações terem ocorrido de forma sigilosa, em referência ao ritual de escolha do Papa, a portas fechadas.

A Reuters informou que procurou a Caixa e BTG Pactual, mas que os envolvidos não responderam de imediato.




Elia M.

Produtora de conteúdo em plataformas de notícias. Quase administradora, quase contadora, 100% escritora. Quer falar comigo? Escreva para elia@horabrasil.com.br. Visite minha página editorial: http://www.horabrasil.com.br/author/elia-m/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido!