Definidas as semis da 3ª Divisão de Campeonato Brasileiro de Basquete em Cadeira de Rodas

Definidas as semis da 3ª Divisão de Campeonato Brasileiro de Basquete em Cadeira de Rodas
(Foto: Marcelo Lacerda)
As equipes do Coopergas/Águias de Concórdia (SC), All Star Rodas Belém (PA), AAPD (PB) e CBA 40 Graus (PI) garantiram, nesta segunda (30), vagas na semifinal do Campeonato Brasileiro de Basquete em Cadeira de Rodas da 3ª Divisão. O evento, que acontece até quinta (03), no Colégio de Aplicação da UFPE, conta com a participação de dez equipes e vale três vagas para a 2ª Divisão do Campeonato Brasileiro 2016. Nesta terça, às 16h, a Coopergas/Águias de Concórdia (SC) enfrenta o All Star Rodas Belém (PA), na primeira semi. A segunda semi será entre AAPD (PB) e CBA 40 Graus (PI), às 17h30. O evento é uma realização da Confederação Brasileira de Basquete em Cadeira de Rodas em parceria com a Universidade Federal de Pernambuco. O campeonato marca as comemorações do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado no dia 3 de dezembro.


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Com duas vitórias, a AAPD (PB) lidera o ranking de aproveitamento da competição. O time venceu a ADGE Águias do Gama (DF), no domingo, por 87 a 29, e a ADM (CE) por 75 a 18, na segunda. Também com duas vitórias, o Águias de Concórdia garantiu a vaga na semi depois de bater o Cenapa (MA) por 74 a 42, no domingo, e a AEDREHC (SP) por 48 a 22, nesta segunda.
Com duas vitórias e uma derrota, o All Star Rodas Belém passou para a semifinal depois de ganhar de virada da Adesp (SP) por 61 a 60. Os paraenses também ganharam do CBA 40 Graus (67 a 58) e perderam para a Adap (39 a 35). Já o CBA 40 Graus (PI) bateu a Adesp, num jogo emocionante encerrado em 73 a 72, e a Adap (GO), por 57 a 38.
Com esses resultados, a Adap já está desclassificada do campeonato, que é realizado em três chaves. Além da disputa das semis, a programação da terça traz mais dois jogos entre ADGE e Adesp, às 9h, e entre Cenapa e ADM, às 10h30, para definir a colocação de 5º a 8º lugar.  
Sobre o basquete em cadeira de rodas A modalidade nasceu nos Estados Unidos, em 1945, sendo praticada por ex-soldados do exército norte-americano feridos durante a 2ª Guerra Mundial. É uma das poucas que esteve presente em todas as edições dos Jogos Paralímpicos. As mulheres disputaram a primeira Paralimpíada em Tel Aviv, no ano de 1968. O basquete em cadeira de rodas é praticado por atletas que tenham alguma deficiência físico-motora, sob as regras adaptadas da Federação Internacional de Basquete em Cadeira de Rodas (IWBF). As cadeiras são adaptadas e padronizadas, conforme previsto em regra. As dimensões da quadra e a altura da cesta são as mesmas do basquete olímpico.
SERVIÇO
Campeonato Brasileiro de Basquete em Cadeira de Rodas da 3ª Divisão
Data: De 28 de novembro a 03 de dezembro de 2015
Local: Quadra do Colégio de Aplicação – UFPE (Av. dos Funcionários, s/n – Cidade Universitária, Recife – PE)
Entrada franca

Natalia Marinho

Formou-se em Jornalismo em 2010. Já escreveu para sites como Yahoo Brasil (em editorias como Yahoo Mulher e Yahoo Finanças), Compara Seguros, Beleza na Web, Pet Love, Viva Real, Americanas Viagens e Submarino Viagens. Contato: natalia@horabrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *