Bebê que nasceu em acidente de caminhão vai deixar hospital; mãe é velada




A família de Ingrid Irene Ribeiro, mulher que morreu em um acidente de caminhão, perto da cidade de Cajati, Vale do Ribeira em São Paulo, conseguiu a autorização para levar o bebê para casa. A informação foi divulgada na tarde desta segunda-feira (30), pela irmã da jovem que faleceu.

Veja também: Mulher que deu à luz a bebê após acidente de caminhão é reconhecida

Gente, finalmente conseguimos a liberação da bebê do hospital! Depois de muita luta, briga e descaso Conseguimos! Graças a Deus e ao conselho tutelar de Pariquera, que esteve presente desde a nossa chegada ao hospital até agora! Ao contrário do que disse o hospital! Agora só aguardar a documentação do hospital e levar a pequena pra casa”, escreveu Adriana Ribeiro, irmã de Ingrid.

Ingrid vivia com os pais em São José dos Pinhais, Paraná, e pegou carona em um caminhão. A jovem, que faria 21 anos hoje (30), foi lançada para fora do veículo durante um acidente. O abdômen foi rompido e uma menina nasceu.

O bebê foi levado para a UTI, na cidade de Pariquera-Açu, e vem sendo acompanhada desde o dia 26 de julho, data do acidente. A identidade da mãe só foi descoberta ontem.

O corpo de Ingrid Irene Ribeiro está sendo velado em uma capela no Cemitério Pedro Fuss São José dos Pinhais. O enterro acontece hoje, às 16h30, no mesmo local.



Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *