BrasilNotícias

Bebê de 3 meses morre após ser espancado pelo pai

Yago Lourenço, de apenas 3 meses, foi morto pelo pai na terça-feira, 26, em Andradas, Minas Gerais.


Segundo a necrópsia, o bebê ficou com quatro costelas quebradas e sofreu traumatismo craniano. Os pais, Ana Carolina Lourenço Cândido, de 19 anos, e Alexandre Montanholi, de 23 anos, foram presos em flagrante na quarta-feira, 27. Eles foram levados para um presídio em Andradas.

Pai mata bebê por estar estressado

Segundo o delegado Fabiano Roberto Mazzarotto Gonçalves, o bebê teria sido espancado de 19 horas a 22 horas do dia 26. O pai alegou que estava “estressado” porque “não aguentava o choro” do filho.

Após o pai arremessar o bebê, ele bateu a cabeça no braço do sofá, o que causou traumatismo craniano. Além disso, ele recebeu joelhadas que deixaram quatro costelas quebradas e hematomas pelo corpo.


Reprodução/Facebook

O delegado contou que, antes do ocorrido, vizinhos haviam acionado o Conselho Tutelar pelo fato da criança chorar muito. No início de março eles foram até a casa da família e não constatou lesão no bebê e continuaram a acompanhar o caso.

Após a morte, Alexandre publicou em seu Facebook que havia tido uma perda inestimável e que seu filho havia falecido com uma parada cardíaca.

Já a mãe apenas escreveu que o dia havia amanhecido triste e ela tinha perdido o filho.

Reprodução/Faceboook

Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Flávia

Escrevo sobre quase tudo, principalmente livros, séries, viagens, idiomas, educação, futebol e saúde. Também sou redatora e editora na Contentools e na Blasting News, e redatora na Contteudo e PostSpot.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios