EntretenimentoNotíciasSériesTV

Caso Evandro, chamado de As Bruxas de Guaratuba, vai virar série de TV




Ivan Mizanzuk anunciou, nesta sexta-feira (31), que o caso Evandro, também conhecido como As Bruxas de Guaratuba, vai virar série de TV.


O crime foi relembrado pelo jornalista em podcast e dividido em mais de 20 episódios, que são publicados no site https://www.projetohumanos.com.br/sobre/. O material, que é distribuído de forma gratuita, chamou a atenção de milhares de pessoas, que recordaram um dos casos criminais mais conhecidos no Paraná.

“Finalmente estou autorizado a falar: SIM, o Caso Evandro vai virar série de TV! A produção tá nas mãos da @Glaz_Cinema – e vou participar de td o processo. A @mayraluc me fez o convite há meses e topei o desafio! Onde q vai passar? Ainda estamos em negociações. Aguardem!”, escreveu Iban em seu Twitter.

Ele também agradeceu às pessoa que ouviram o seu trabalho e fizeram com que o caso chamasse a atenção. “Agradeço muito à @mayraluc e todo a equipe da @Glaz_Cinema por confiarem no potencial da história e do meu trabalho. Tem sido um processo muito bacana e estou bem animado. Assim que tivermos novidades, aviso pra vocês! E obrigado a todos os ouvintes que tornaram isso possível!”, escreveu.

“E só pra deixar claro: é série documental, não vai ser com atores. Enfim, é isso. Vamo que vamo! =)”, finalizou.

Caso Evandro



O caso Evandro aconteceu na cidade litorânea de Guaratuba, em 6 de abril de 1992, quando um menino, de apenas 6 anos de idade, desapareceu. O nome dele era Evandro Ramos Caetano.

O garoto foi encontrado morto e sem os cabelos, vísceras e mãos, alguns dias depois de ter desaparecido. Na mesma época, mais crianças sumiram na região. Algumas pessoas foram presas em julho do mesmo ano e há suspeitas de que o garoto tenha sido vítima de um  ritual satânico.






Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios