FamososNotícias

Lei Neymar da Penha: internautas batizam projeto de lei protocolado por deputado

O deputado federal Carlos Jordy (PSL-RJ) protocolou nesta quinta-feira (6), na Câmara dos Deputados, um projeto de lei que agrava a pena de denúncia caluniosa de crimes contra a dignidade sexual. Logo os internautas batizaram a lei de Lei Neymar da Penha.




Se o projeto for aprovado, qualquer pessoa que fizer uma acusação falsa sobre crime de estupro poderá, por exemplo, ter a pena aumentada em até um terço.

O projeto de lei está sendo proposto em um momento em que Neymar está sendo acusado por Najila Trindade Mendes Souza por estupro e agressão em Paris.

Jordy informou ao Broadcast Político que esse projeto já estava em seus planos e seria protocolado depois das pautas econômicas. Mas, devido à repercussão do caso Neymar,  sua equipe priorizou esse projeto de lei. “Denunciações caluniosas já são graves e absurdas por si só, mas quando envolvem estupro, isso destrói a vida do acusado porque não existe crime mais abjeto do que esse. Isso deixa todo mundo indignado. Sem dúvida alguma, o momento atual foi determinante para que apresentássemos o PL”, disse o político.

Deputado fala sobre lei batizada de Lei Neymar da Penha

Neymar depõe no Rio de Janeiro

Na noite desta quinta-feira, Neymar chegou à Delegacia de Repressão de Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro, onde está prestando depoimento no inquérito em que é investigado por divulgação de imagens íntimas da modelo Najila Trindade, que o acusa de estupro e agressão.




A divulgação de mensagens e fotos feita por Neymar aconteceu nos Stories do Instagram no sábado (1º) depois que a denúncia de estupro se tornou pública. Ele nega que tenha cometido o crime.

Devido à lesão sofrida no tornozelo direito durante o amistoso Brasil x Catar, o jogador chegou de muletas e depois usou uma cadeira de rodas. Ele levou alguns minutos para conseguir entrar na delegacia devido a uma certa confusão entre os jornalistas e cinegrafistas presentes. Por causa da confusão, ele teve que deixar a cadeira de rodas para trás e na delegacia com a ajuda de algumas pessoas.

+ Video: Najila Trindade fala publicamente pela primeira vez

O advogado do jogador pode falar com a imprensa após o depoimento. Há a possibilidade de Neymar também responder a algumas perguntas da imprensa.

 

Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Flávia

Escrevo sobre quase tudo, principalmente livros, séries, viagens, idiomas, educação, futebol e saúde. Também sou redatora e editora na Contentools e na Blasting News, e redatora na Contteudo e PostSpot.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios