EntretenimentoFamososNotíciasTV

Ex-Presidenta Dilma lamenta a morte de Paulo Henrique Amorim

Ele faleceu em casa, no Rio de Janeiro, após se sentir mal. O laudo ainda não saiu, mas a suspeita é de que ele tenha sofrido um infarto fulminante.




A ex-Presidenta Dilma Rousseff lamentou, na manhã desta quarta-feira (10), a morte do jornalista Paulo Henrique Amorim.

Brasil x Polônia: horário do jogo de vôlei masculino e como assistir ao vivo


“A morte de Paulo Henrique Amorim priva o jornalismo brasileiro de um dos seus nomes mais importantes. Ele deixa a marca de uma atuação digna na denúncia dos retrocessos que o país enfrenta e na defesa da democracia e do estado de direito. Meus sentimentos à família e aos amigos”, escreveu em seu Twitter oficial.

Paulo Henrique Amorim estava desde 2003 na TV Record. A partir de 2006, apresentou o “Domingo Espetacular”, de onde foi retirado há poucos dias pela emissora.

Ele faleceu em casa, no Rio de Janeiro, após se sentir mal. O laudo ainda não saiu, mas a suspeita é de que ele tenha sofrido um infarto fulminante.

O velório será realizado nesta quinta-feira, 11 de julho, das 10 às 15 horas, na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), rua Araújo Porto Alegre, 71, Centro, Rio de Janeiro.




Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios