José Aldo e Caco Barcellos participam do Altas Horas

0



O “Altas Horas” deste sábado (10) recebe o lutador José Aldo e o jornalista Caco Barcellos. Os dois, que trabalham em áreas diferentes, cada um com sua capacidade de emocionar o público, vão falar sobre a dor e alegria de suas profissões.

Serginho Groisman vai mostrar no telão vídeo com várias vitórias do lutador. “Mais forte que o mundo”, esbraveja ele no final de uma luta. Enquanto Aldo leva o público à euforia em suas lutas, Barcellos as sensibiliza contando histórias. “O Profissão Repórter depende das pessoas que abrem as portas das suas casas”, conta o jornalista.

“Temos que deixar claro quem é o Caco, sempre ao lado das pessoas que não têm voz”, conta Serginho. O apresentador pergunta sobre a agressão que o jornalista sofreu enquanto cobria manifestação na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), em novembro. O jornalista diz que não ficou abalado. “A caminha precisa continuar”, comenta.

O jornalista vai contar ainda que seu primeiro emprego foi como taxista. O motoboy Jackson 5 (Marco Luque) vai brincar que o jornalista fazia parte da “concorrência” quando tinha táxi.

Maria Gadú é uma das atrações musicais da noite. Ela vai falar sobre a relação entre fã e ídolo. A cantora admira Marisa Monte e confessa que até hoje chora pela ídola. Ela e Evandro Mesquita vão falar sobre o cenário musical. O vocalista da Blitz vai fazer paralelo com o início da banda, em 1980. “A gente é da época do vinil. Antigamente era muito difícil gravar um disco”, relembra.

O Capital Inicial também contagia o público com “À Sua Maneira” e “Quatro Vezes Você”. O “Altas Horas” vai ao ar todos os sábados, na Globo, após o “Zorra”.




Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.