Auxílio emergencial: Bolsonaro tem duas alternativas para prorrogação

0

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) possui duas alternativas de prorrogação do auxílio emergencial. Ele já afirmou algumas vezes que o programa será prorrogado até dezembro de 2020. Entretanto, o valor ainda não foi confirmado. Essa confirmação é esperada para esta terça-feira (01). De acordo com o jornal Extra, a extensão do programa pode funcionar de duas formas.




O governo tem as possibilidades de pagar as novas parcelas como: uma parcela de R$ 400, uma parcela de R$ 300 e duas parcelas de R$ 250 ou quatro parcelas de R$ 300. O presidente deve bater o martelo sobre o assunto em reunião que acontecerá nesta terça-feira (01), com líderes dos partidos da base na Câmara e no Senado.

Após entrar em acordo com os parlamentares, o presidente deve anunciar oficialmente a prorrogação por Medida Provisória (MP). A nova prorrogação do programa foi confirmada após o Brasil continuar com incerteza sobre a retomada da economia.

Inicialmente, o auxílio emergencial foi criado para pagar três parcelas de R$ 600. Após o fim do pagamento das três parcelas, o governo Bolsonaro estendeu o programa por mais duas parcelas de R$ 600. Os beneficiários do Bolsa Família terminaram de receber a quinta – e até agora última – parcela nesta segunda-feira (31).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.