BrasilNotíciasSão PauloSudeste

Programa Morar Bem, Viver Melhor sorteia 38 casas em Ilha Comprida




Na manhã desta quinta-feira (3) 38 famílias foram sorteadas para receber uma casa Conjunto Habitacional Ilha Comprida A, cidade do Vale do Ribeira, em São Paulo. A ação faz parte do programa Morar Bem, Viver Melhor.

Estavam presentes no sorteio, além das mais de 300 famílias interessada, o presidente da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), Marcos Penido, diretor técnico da CDHU Luiz Carlos Rachid; a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Mara Ventura, o vereador Adolfo Teixeira, do assessor do deputado Milton Leite, Bruno Klimke, e representantes do município e do CDHU.

As 38 moradias estão localizadas no Balneário Britânia. Delas, três são destinadas a pessoas com deficiência, duas a idosos e duas a policiais e agentes penitenciários. Além disso, cinco foram usadas para colocar moradores que vivem em área de risco. As outras foram sorteadas.

Os contemplados devem comparecer, no dia 9 de novembro, no auditório da Escola Meu Recanto. Neste momento vão ter que comprovar os requisitos exigidos para participar do programa habitacional.

Requisitos para participar do programa Morar Bem, Viver Melhor

Idosos interessados em se inscrever precisam ter pelo menos 60 anos e pessoas que moram sozinhas têm que ter no mínimo 30 anos. O interessado não pode ter imóvel ou financiamento e não deve ter participado de programas habitacionais. É preciso ter renda entre um e dez salários mínimos, morar no município há pelo menos cinco anos.






Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios