BrasilNotíciasSão PauloSudeste

Chacina em Campinas deixa 12 pessoas mortas




Um homem invadiu uma confraternização de final de ano e assassinou doze pessoas. A chacina aconteceu em Campinas, interior de São Paulo, na madrugada de sábado (31) para domingo. O atirador se matou.

Uma das pessoas baleadas chegou a ser socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital. Mais três vítimas permanecem internadas.

O atirador matou o filho, de 8 anos, a ex-mulher e parentes. De acordo com informações iniciais, o atirador, Sidnei Ramis de Araújo, de 46 anos, invadiu a casa pelo muro e começou a atirar.

O homem, que era técnico de laboratório, deixou um celular no carro, com a senha perto. Nele, a gravação de um áudio pedindo desculpas pelo que iria acontecer.

A chacina ocorreu na Rua Pompílio Morandi, na Vila Prost de Souza, próximo ao Shopping Unimart. O atirador estava se separando da esposa.

Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios