EntretenimentoTV

João Carlos Martins está no Conversa com Bial e revela: ‘Destruí minha mão’




O programa da TV Globo, Conversa com Bial, recebe na madrugada desta sexta (4) para sábado João Carlos Martins. Ele, que começou a estudar piano com oito anos de idade, conta que com apenas 11 anos chegava a estudar seis horas por dia.

Veja também: Dancing Brasil terá músicas de Michael Jackson, Lady Gaga, U2 e Elton John

One Fighting Championship: horário e como assistir ao vivo na TV

João Carlos Martins estudou com  o maior professor de piano da época e venceu então o concurso da Sociedade Brito de São Petersburgo.

Com 18, quando estudava 14 horas diárias, já havia gravado toda a obra de Bach para piano e se apresentado pessoalmente para o compositor Villa-Lobos. Toda a dedicação resultou em um desconforto físico, devido a uma lesão por esforço repetitivo. “Eu destruí a minha mão à procura do perfeccionismo”, diz. “Ao todo, chegava a fazer 22 notas por segundo”, conta.

um problema ainda mais grave aconteceu quando ele tinha 26 anos. João se acidentou durante uma partida de futebol em Nova York e  teve o nervo ulnar do braço esquerdo perfurado por uma pedra. A ocasião, que custou-lhe a atrofia de dois dedos.



“Chorei umas três vezes com essa cena quando assisti ao filme. Me lembro perfeitamente do momento, tive a intuição de que minha vida acabava ali”, conta ele, que precisou parar de tocar por um ano e tocou com dificuldade até os 30. “Fiz operações e aí comecei a tocar com dedeiras de aço. Quando eu acabava o concerto, via sangue nas teclas. Mas eu acabava porque aquela era minha ambição”. Todos esses momentos foram retratados no longametragem. “Pensei em me matar e, no filme, assisti à perfeição que a direção conseguiu dar a isso”.

Intérprete do maestro nas telonas, Alexandre Nero diz que está feliz em fazer o personagem e que o trabalho foi importante para aproximá-los. “A gente criou uma intimidade. Com isso, percebi que esse cara que o Brasil inteiro admira tem um humor muito sagaz. É uma pessoa real, engraçada e emocionante”, elogia o ator. Segundo ele, foi preciso muito ensaio de “balé das mãos” no piano para representar “a maneira de tocar visceral de João”. “Até para brincar de fazer era muito rápido, então tomamos um cuidado especial para eu não parecer um cara que não sabia o que estava fazendo”, diz. O amigo brinca: “Você fez melhor do que eu!”.

Exibido após o ‘Jornal da Globo’, ‘Conversa com Bial’ tem direção artística de Monica Almeida e direção de conteúdo de Ingo Ostrovsky.






Comments

0 comments

Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios