BrasilCentro-OesteEducaçãoNordesteNorteNotíciasSudesteSul

Itaú livros grátis: veja como ganhar e receber em sua casa




O mês de outubro chegou e, com ele, mais uma edição do Itaú Crianças. A campanha Itaú livros grátis manda entregar os exemplares na casa do interessado. Os livros são infantis e podem ser solicitados por pessoas de todo o país, sem custo algum.

Veja também: Instituto Baleia Jubarte abre vagas para estágio

Vidente Márcia Fernandes fala sobre o espírito de Marcelo Rezende; veja vídeo

A distribuição de livros grátis é feita desde 2010 e sempre no mês de outubro, quando o dia das crianças é comemorado. A intenção é incentivar os adultos a lerem para as crianças, compartilhando histórias e melhorando a convivência familiar.

Itaú livros grátis: veja como pedir os seus e clicar em “peça sua coleção”.

Desta vez, as pessoas que solicitarem vão receber dois livros. Um deles é o “Em cima Daquela Serra”, de Eucanaã Ferraz, e o outro é “O Menino Azul”, de Cecília Meireles






Para solicitar basta entrar no site www.itau.com.br/crianca. Depois disso, basta informar os dados pessoais como nome completo, CPF, e endereço. É necessário ter cuidado para preencher o endereço sem nenhum erro, para evitar extravio. Só será aceito um pedido por CPF.

Quem tiver dificuldade de cadastrar pelo primeiro link pode optar por fazer o cadastro em: https://www.itau.com.br/crianca/pratique/mobile/

As Coleções também podem ser solicitadas por organizações da sociedade civil e por secretarias municipais de educação que realizem projetos de  leitura para crianças.

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

32 Comentários

  1. Gostaria muito de receber o livro , porém não consigo fazer a efetivação. Infelizmente o site não coopera!

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios