EntretenimentoTV

Leila Cravo conta como caiu nua da janela de um motel no Domingo Show




O Domingo Show deste final de semana, dia 4 de janeiro, vai relembrar a história de Leila Cravo, uma das mais promissoras atrizes da década de 1970. Considerada uma das musas da época, teve a carreira destruída depois de aparecer nua e machucada no térreo de um badalado motel do Rio de Janeiro, na manhã do dia 12 de novembro de 1975.

Veja também: BBB 18: Gleici e Jaque ganharam a prova do Anjo, Mahmoud e Ana Clara são os monstros

A artista, que era apresentadora de um jornalístico dominical, se hospedou no Motel VIPs com o banqueiro Marco Aurélio Moreira Leite. Agora, com 64 anos, ela vai revelar detalhes do que aconteceu naquele dia para Geraldo Luís.

Embora tenha sido noticiado que, na época, ela se jogou de uma altura de 18 metros, a atriz nega. “Eu não confiava na imprensa definitivamente. Era uma notícia falsa atrás da outra”, desabafa. “Foi como se houvesse um complô para me matar profissionalmente, nacionalmente”, conta ela, que teve a carreira destruída.

Leila Cravo teve várias sequelas, politraumatismo craniano e ficou em coma por alguns dias. Ela também chegou a perder o paladar, o olfato e 95% da visão do olho esquerdo.

A artista conta que tentou voltar para a sua carreira, mas depois de ter atuado em folhetins de autores como Gilberto Braga e Dias Gomes e a contracenar com nomes como Renata Sorrah, Sandra Brea e Vera Fischer, não conseguiu continuar no mundo artístico. “Eu tentei voltar, falei com diversas pessoas de televisão, teatro, cinema, mas era como se eu tivesse virado uma coisa, que eu pudesse transmitir algum tipo de vírus”, lamenta.

“Eu costumo dizer que o meu corpo conseguiu sobreviver, mas a minha alma, não”, revela Leila, que, recuperada da amnésia que a acometera, promete contar tudo o que aconteceu naquela noite.



O Domingo Show é apresentado por Geraldo Luís e vai ao ar a partir das 11h, ao vivo, com direção geral de Rafael Perantunes e direção executiva de Givanildo Menezes.

 

Comments

0 comments

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. chegaram a comentar na rede o nome de otavio gouveia de bulhoes, mas na época do ocorrido, mesmo cotado para presidente do banco central no governo ernesto geisel, foi derrubado pelo próprio mario henrique simonsen. O que leva a crer que era o bam bam bam da época. que era economista , engenheiro, tinha formação militar. Banqueiro e era do rio de janeiro, como o marco aurelio moreira leite. e tinha um jeito esquisito como a leila relata. Uma pena que a leila não quis dar nomes. E o ocorrido em 1983 no restaurante no rio? Será que foi um aviso para não abrir a boca?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios