Mãe que escondeu sinalizadores no corpo do filho antes do jogo River x Boca é presa

Em meio às polêmicas da final da Copa Libertadores da América entre River Plate e Boca Juniors, que ainda não tem data para acontecer, um vídeo mostrando uma mulher escondendo sinalizadores no corpo do filho viralizou nas redes sociais.

O jogo aconteceria no sábado, 24, às 18 horas (horário de Brasília), mas devido à confusão, foi adiado para as 20h15. Logo depois, foi remarcado para o domingo, 25, mas novamente não aconteceu.

No sábado, o ônibus do Boca foi atacado quando chegava ao estádio. Durante o incidente, estilhaços dos vidros feriram jogadores como Pablo Pérez, que sofreu uma lesão no olho esquerdo e um corte no braço. Ele foi atendido em uma clínica fora do estádio e liberado no domingo. No sábado, Carlos Tévez criticou dirigentes da FIFA e da Conmebol que queriam que a partida acontecesse no mesmo dia. Ele explicou que eles não estavam em condições de jogar. “Querem nos obrigar a jogar a partida”, disse ele.

O primeiro jogo da final aconteceu no estádio La Bombonera no dia 11 de novembro e terminou em 2 a 2.

Final River x Boca: mãe coloca a vida do filho em risco

A polícia argentina já identificou a mulher que foi vista usando uma criança para entrar no estádio Monumental de Nuñez, na Argentina, com sinalizadores. 

Segundo o Daily Mail, a torcedora do River Plate que aparece no vídeo é a própria mãe do menino. Pela lei argentina, a mulher, que foi identificada e presa, pode ser condenada a até oito anos de prisão por colocar a vida de seu filho em risco.


Flávia Resende

Escrevo sobre quase tudo, principalmente livros, séries, viagens, idiomas, educação, futebol e saúde. Também sou redatora e editora na Contentools e na Blasting News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *