Ceia de Ano Novo: veja alimentos que dão sorte




Alguns alimentos são frequentemente usados na ceia de ano novo, pela crença de que trarão sorte. Embora não haja nenhuma comprovação científica, muitas pessoas não deixam de tê-los em sua noite de réveillon. Se você é uma delas, veja a lista dos principais alimentos que acredita-se que tragam sorte para 2017.

Alimentos que dão sorte na ceia de ano novo

Peixes

Aves que ciscam para trás são “proibidas” na ceia de ano novo. Por isso o peixe, símbolo de prosperidade e de fertilidade, acaba sendo a escolha de muitos para o réveillon.

Porco

Quem não gosta ou não pode consumir peixe tem na carne de porco uma alternativa. Ele fuça para frente, é forte e resistente, por isso bem aceito na ceia de ano novo.

Lentilha e arroz

Para os chineses, o arroz é o grão da vida. Ele, a lentilha e outros grãos são tidos como símbolos de prosperidade e fertilidade. Para ter sorte, diz a crença que a lentilha deve ser o primeiro alimento a ser consumido na ceia. Ela trará saúde e dinheiro para 2017.

Uvas

Os cachos dão ideia de fartura e, por isso, não podem faltar na mesa de ano novo. Há uma simpatia que diz que na virada do ano deve-se comer sete uvas e guardar as sementes em um papel, dentro da carteira. A pessoa não terá problemas com dinheiro no ano novo. O mesmo vale para romã.






Nozes e castanhas

Símbolos da resistência e, por isso, associadas à fartura e à sorte. Presentes nas mesas dos que querem sorte e força para 2017.

Louro

Símbolo de sucesso e vitória por virem de uma árvore muito resistente. Na virada do ano, tenha louro, distribua para os próximos e guarde algumas folhas na carteira para que não falte dinheiro durante o ano novo.






Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido!