Presidente do PT descarta proposta de Dilma sobre novas eleições

1




Rui Falcão, presidente nacional do PT, descartou publicamente nesta quinta-feira (04) a proposta de realização de plebiscito para antecipar novas eleições. A ideia é defendida por Dilma Rousseff. Falcão afirmou que a proposta não é viável. De acordo com ele, o processo de convocação duraria dois anos e coincidiria com 2018, quando as novas eleições acontecerão naturalmente.

Ele disse ainda que não concorda politicamente com a iniciativa defendida por Dilma. Dessa forma, segundo Falcão, ela estaria abrindo mão de seu mandato.

Já Carlos Henrique Árabe, secretário Formação do PT, disse que existe democracia interna no partido e por isso a proposta será votada. “Rui Falcão não deve congelar o debate interno. Ele não tem a palavra final, até porque não apresenta alternativas. O PT é democrático. Espero que ele seja minoria”, falou. De acordo com ele, a proposta será discutida daqui a duas semanas.

Falcão contou ainda que o PT irá lançar memorial em defesa de Lula. Será feito um caderno com todos os argumentos da assessoria jurídica do Instituto Lula.

Sobre a votação do impeachment de Dilma no Senado, Falcão acha que a presidente afastada deve sinalizar mudanças em sua política econômica. Além disso, julga que ela deve recompor seu governo para conquistar votos contra o impeachment.

1 comentário
  1. […] Leia também: Presidente do PT descarta proposta de Dilma sobre novas eleições […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.