Marcos Härter divulga carta aberta e conta que Emilly Araújo pediu sua saída do BBB 17

0

Desde que o BBB 17 acabou, a torcida Mally, composta por pessoas que admiram Marcos e Emilly, sofria. Os fãs aguardavam um posicionamento dos dois sobre o relacionamento que viveram no confinamento.




Quando saiu do BBB, Emilly disse que ficou decepcionada ao saber que Marcos estava torcendo contra ela. Marcos, por sua vez, disse que não torceu contra ela, mas não podia mandar na opinião de sua família. A mãe e irmã de Marcos postaram em suas redes sociais a torcida por Vivian campeã. Marcos, por sua vez, não postou nada sobre o assunto. Na mesma entrevista, Marcos foi perguntado sobre o futuro de seu relacionamento com Emilly. Ele respondeu que precisava conversar com ela, que esperava que isso acontecesse em breve, e que o futuro do relacionamento dependia dessa conversa.

Emilly, por sua vez, se calou. Desde a entrevista divulgada por Marcos, ela não tocou no assunto publicamente. Mas, de acordo com fãs que a visitaram no hotel, ela sempre repetiu que gostava de Marcos e estava aberta para conversar. Uma das fãs gravou em vídeo Emilly falando que conversaria com ele, mas não iria atrás. Ela disse para a fã que ele que teria que ir atrás dela dessa vez.

Essa semana foi divulgado pelo portal iG que Emilly confirmou agressão sofrida no BBB 17. A maioria dos fãs do casal não acreditou na notícia do portal e pediu um posicionamento de Emilly sobre o assunto. A ex-BBB não comentou o caso.

Na manhã deste sábado (22), após uma noite com boatos de que uma fã adolescente que torcia para o casal havia se suicidado por depressão, Marcos divulgou carta aberta para Emilly em sua página oficial no Facebook. “Não há mais como suportar as pessoas sofrendo pelo destino de um relacionamento sem entender de fato o que aconteceu”, disse ele.

Marcos revelou suas primeiras impressões ao conhecer Emilly dentro do BBB. “Nas primeiras horas dentro da casa conheci Emilly e Mayla, na beira da piscina, atrás da mesma espreguiçadeira na qual Emily estava deitava quando a vi pela última vez, antes de ir embora. Recordo-me de que, inicialmente, achei elas muito parecidas, mas logo fui me atentando aos detalhes. Apesar de possuírem a mesma carga genética e, fenotipicamente, expressarem-se quase como clones, cada uma tem a sua alma, e aquela que vislumbrei ser a minha gêmea era a que tinha uma mancha na têmpora esquerda”, disse ele.




O cirurgião repassou toda a história vivida por ele e Emilly dentro do reality show. ” Não precisei de muitos dias na casa para entender a minha missão ali. Sensibilizei-me com a sua história e determinei-me a fazer o possível e o impossível para conduzi-la até a grande final. Eu só não contava com uma coisa: existia um espacinho em meu coração que era exatamente do seu tamanho! E assim a nossa história começou…”, disse ele. “Com o tempo, notei que você, quando cansada, dormia facilmente deitada em mim. Era como se eu fosse a tua concha, e isso é muito bonito porque significa: ‘eu me sinto seguro com você’. E como era bom dormir abraçadinho!”.

“O clima era tenso tanto para mim quanto para você. Você cuidava de mim e eu de você. À medida que o tempo passava eu conhecia você, curtia você e cada vez mais eu me apaixonava por você. Ao ponto, inclusive, de não a ver mais como adversária, e você sempre soube disso”, contou. “Várias vezes tive vontade de ir embora dali com você. Lembra que cheguei a convidá-la algumas vezes a irmos embora? Sabia que o prêmio era muito importante para você, mas ao mesmo tempo tinha a nítida noção de que o que eu poderia dar a você aqui fora não tinha preço”.

“Os dias foram passando e eu fui vivendo uma das mais incríveis histórias de amor da minha vida”, se declarou. “Era tudo muito intenso e muitas vezes me via confuso. Às vezes me sentia seu namorado, outras, seu pai, seu irmão, ou seu amigo… Mas o importante é que nunca me senti seu adversário, pois o meu sentimento por você sempre esteve acima de qualquer atitude pela qual você poderia ser julgada”.

Marcos contou que sua decepção começou quando viu que amizades que achava estar construindo não eram tão sólidas assim. “Perder o Ilmar como aliado no jogo me deixou bastante abalado”, admitiu. Ele contou que, após voltar do paredão contra Marinalva, eles ouviram a torcida gritar “É campeão” e a partir daí Emilly passou a vê-lo como adversário. “Ahhh… Picinho… São tantas coisas que eu sei e não queria saber…”, escreveu. “Sei porque você insistia em não me contar porque tanto lhe chamavam no confessionário no decorrer de domingo… Sei porque na segunda-feira, 10/04, dia de minha eliminação, você estava tão distante de mim… Sei porque você pediu e foi várias vezes ao confessionário… Sei porque você me perguntou o que seria considerado como uma agressão física na mesa enquanto eu esculpia o mascote do programa em um bloco de sabão.”




“Sei por que nesse mesmo dia foi a única vez que você não foi espontaneamente atrás de mim na academia. Lembra que tive de chamar você lá fora para você me ajudar? Sentia que você não estava com muita vontade de ficar perto de mim. Simplesmente não acreditava no que você estava armando contra mim. Sei por que nosso último beijo na academia foi tão frio… Sei por que na sequência você também não quis entrar na piscina comigo, dizendo que já havia tomado banho. Toda essa falta de parceria era inédita e você ainda achava que eu não sabia o porquê. Sei por que você não fez cara de duvida quando me chamaram pela última vez no confessionário”, continuou.

“Infelizmente também sei o que você sentiu quando ouviu meus gritos aos prantos na porta do lado de dentro do confessionário pedindo pra você retirar a acusação que havia feito às 20h daquele dia. (…) Sei por que você demonstrava tanta saudade de mim, cheirando minhas roupas após a minha saída, mas não demonstrou isso na final, ao sair da casa. Sei, Emilly, por que você não veio me abraçar na final… E foi tão feio… Não jogue a culpa na sua irmã…”, disse.

Marcos também revelou que a produção o deu a possibilidade de prestar queixa sobre Emilly no dia que ela chutou a sua barriga e no dia que ela jogou uma boia propositalmente em seu rosto, enquanto ele estava de olhos fechados dentro da piscina.

“Você ainda é jovem. Tem tempo para refletir e mudar. Saiba que pessoas do bem existem e elas vão querer te ajudar de uma forma tão incrível que você pode levar algum tempo para entender. Siga com Deus, desejo-lhe muita luz interior e que a paz esteja sempre com você e com a sua família. Sei que você vai negar, gritar, espernear, fazer tudo o que fazia no programa quando as pessoas apontavam uma falha em você. Mas eu espero apenas uma coisa de você: feche os olhos, respire fundo, vá bem lá dentro de você. Procure um lugarzinho onde você está sentindo uma dorzinha. Aprenda que em toda a história da humanidade, amor e caráter nunca estiveram à venda. Adeus”, finalizou.

Leia abaixo a carta aberta na íntegra.


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.