Felipe Prior, do BBB 20, tem duas acusações de estupro e uma tentativa de estupro

0

Nesta sexta-feira (04), a revista Marie Claire publicou relato de duas mulheres que acusam Felipe Prior, participante eliminado do BBB 20, de estupro e relato de outra vítima que sofreu tentativa de estupro.




A revista teve acesso a documentos que comprovariam os relatos das mulheres. Elas tiveram suas identidades preservadas. A assessoria do ex-BBB se negou a comentar as denúncias.

O primeiro caso teria acontecido em agosto de 2014, durante os jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo (interFAU). A mulher pegou carona com Prior que, durante o caminho, parou o carro e praticou o estupro. A penetração forçada provocou sangramento na vítima, que foi a um hospital. A vítima possui o laudo que comprova uma laceração em seu lábio vaginal.

No InterFAU de 2016, Prior teria tentado estuprar mais uma mulher. O ex-BBB persuadiu a mulher a entrar na barraca. Ao ver que não havia preservativo, a mulher negou fazer sexo. Diante da negativa, ele teria tentado forçar a relação, mas ela conseguiu se desvencilhar. Após o BBB 20 começar, ela conseguiu entrar em contato com a primeira vítima e as duas decidiram agir.

O segundo estupro teria acontecido no InterFAU de 2018, em Itapetininga. A vítima contou que Prior a convidou a entrar na barraca e que o ato começou de forma consentida. Mas, durante a relação sexual, Prior ficou violento e a teria agredido. Testemunhas relataram ter ouvido gritos de “está me machucando” e “para”.




A advogada das vítimas contou à revista Marie Claire que começou a trabalhar no caso no fim de janeiro. “Tivemos inclusive notícia de pelo menos uma outra, que acabou não preferindo depor”, contou a advogada.

O crime de estupro consta no artigo 213 do Código Penal e é tipificado como crime hediondo, com pena de seis a dez anos, aumentada para oito a 12 se houver lesão corporal da vítima.

Os relatos completos podem ser lidos no site da Marie Claire.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.