Prédio do centro de São Paulo é atingido por incêndio e desaba

Um prédio desabou na região da República, centro de São Paulo, na madrugada desta terça-feira (01), após incêndio. O imóvel se localiza próximo do Largo do Paissandu.




De acordo com moradores, o incêndio teria começado por volta de 1h30 da manhã. O fogo se espalhou para um prédio comercial vizinho. O primeiro prédio desabou e o segundo foi evacuado como precaução. Moradores de prédios vizinhos foram orientados a sair dos imóveis.

Leia também: Cruz Vermelha pede doações para famílias de prédio que desabou em SP; saiba como ajudar

O prédio era uma antiga instalação da Polícia Federal. A instalação estava desativada e atualmente estava ocupada irregularmente. O incêndio começou no quinto andar. Moradores relatam que, após o incêndio começar, foram ouvidas várias explosões. Por volta das 2h50, um dos prédios desabou. No Twitter, o Corpo de Bombeiros registrou pedido de socorro no alto de um dos prédios. Moradores foram retirados do local intoxicados ou com pequenas escoriações.

Leia também: Moradores do prédio que desabou no Largo do Paissandu pagavam aluguel

A avenida Rio Branco, entre o largo do Paissandu e a avenida Ipiranga, está totalmente interditada. Há mais de 25 viaturas de Bombeiros para combater o fogo. O prédio que desabou ficava na Rua Antonio de Godói, número 22, edifício Wilton Paes de Almeida. Ele tinha 24 andares, foi inaugurado em 1968 e desativado em 2006.

Após as 4h da manhã, o Corpo de Bombeiros confirmou uma morte e duas ou três pessoas desaparecidas.

Um internauta postou vídeo do momento em que prédio desabou no local. Assista abaixo.




Natalia Marinho

Formou-se em Jornalismo em 2010. Já escreveu para sites como Yahoo Brasil (em editorias como Yahoo Mulher e Yahoo Finanças), Compara Seguros, Beleza na Web, Pet Love, Viva Real, Americanas Viagens e Submarino Viagens. Contato: natalia@horabrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *