Ciência e SaúdeSão PauloSudeste

Coronavírus: quando acaba a quarentena em São Paulo?

Afinal, quando acaba a quarentena em São Paulo? Para tentar controlar a disseminação de coronavírus, o governo do estado determinou que alguns comércios fossem fechados e eventos adiados. Nesta segunda-feira (6), a quarentena em São Paulo foi prorrogada.




Coronavírus: pesquisadores obtêm resultado positivo com o uso de antiparasitário

Inicialmente, esse período de afastamento social terminaria em 7 de abril. Contudo, o Governador João Dória prorrogou a quarentena por mais 15 dias. Dessa forma, o Estado de São Paulo segue em quarentena pelo menos até o dia 22 de abril.

“Sim, a prorrogação da quarentena será feita em São Paulo por mais 15 dias, do dia 8 até o dia 22 de abril, quinze dias, portanto, em todo o estado, pelo conjunto de razões que já foram claramente expostas”, afirmou João Doria.

Ele ainda recordou que as regras valem para todo o estado e que os prefeitos devem seguir as orientações. “Nenhuma aglomeração de nenhuma espécie em nenhuma cidade ou área do estado de São Paulo será admitida. As Guardas Municipais ou Metropolitanas deverão agir”, determinou.

#Fiqueemcasa – IFRS oferta quase cem cursos online gratuitos

Dória ainda garantiu que todas as médias estão dentro da lei. “Isso é constitucional, não é uma deliberação que pode ou não ser seguida. Ela deve ser seguida por todos os municípios do estado”.

O que fica funcionando durante a quarentena em São Paulo?



  • Serviços ligados à saúde como clínicas, hospitais, clínicas médicas e odontológicas, laboratórios e farmácias;
  • Transporte público;
  • Transportadoras e armazéns;
  • Empresas de telemarketing;
  • Clínicas veterinárias e petshops;
  • Atendimentos feitos por meio de deliverys;
  • Supermercados, mercearias, mercados e padarias;
  • Bancas de jornais;
  • Táxis e aplicativos;
  • Limpeza pública;
  • Bancos e Lotéricas;
  • Indústrias;
  • Postos de combustível.

O que precisa fechar durante a quarentena em São Paulo?



  • Bares (é permitido o trabalho por meio de delivery);
  • Restaurantes (é permitido o trabalho por meio de delivery) ;
  • Cafés (é permitido o trabalho por meio de delivery);
  • Casas noturnas;
  • Shopping centers e galerias;
  • Academias e centros de ginástica;
  • Ambientes destinados a festas;
  • Locais nos quais realizam casamentos, shows e eventos;
  • Escolas públicas ou privadas.

O Estado de São Paulo já tem 4.620 casos da doença confirmados e contabiliza 275 mortes causadas pelo coronavírus.

Quando acaba a quarentena em São Paulo? Dia 22 de abril de 2020, caso o governador não a prorrogue.

Etiquetas
Mostrar mais

Milena

Escreveu para sites como Yahoo e Dona Giraffa e atua em plataformas com produção de conteúdo. É formada em medicina veterinária, mas trabalha exclusivamente com redação desde 2013. Contato: milena@horabrasil.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios