Juíza nega pedido de DJ Ivis para proibir ex de falar sobre agressões e divulgar vídeos

0

O advogado do DJ Ivis fez pedido para remoção do conteúdo em que ele aparece agredindo a ex-eposa Pamella Holanda. O pedido foi negado pela juíza Maria José Sousa Rosado de Alencar, da Comarca de Fortaleza.




O músico também fez o pedido para que Pamella fosse proibida de comentar sobre as agressões com a imprensa, “principalmente onde citem a filha menor”. O pedido também foi negado. O DJ fez a solicitação neste domingo (11), horas após a ex-esposa publicar nas redes sociais vídeos em que aparece sofrendo agressões. E a Justiça negou os pedidos de DJ Ivis na mesma data.

DJ Ivis move processo de calúnia contra Pamella. No processo, é ditado que “na data de hoje, após as 15 horas [ela] comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em site na internet prejudicial a sua reputação”.

Ao negar o pedido, a juíza afirmou que não verificou no conteúdo divulgado “qualquer conduta que ultrapasse o direito de expressão” e que é “impossível analisar o pedido, além do que a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria afronta ao direito fundamentada livre expressão da imprensa”.




Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.