Juliette rebate fala de Fontenelle: ‘Não é força de expressão, é xenofobia’

0

Antônia Fontenelle fez comentário utilizando o termo “paraíba” para criticar DJ Ivis, que apareceu em vídeos agredindo a ex-esposa. Após ser muito criticada, Antônia tentou se justificar e afirmou que o termo “paraíba” é uma força de expressão.




“Paraíba é força de expressão, quem faz ‘paraibada’, como por exemplo bater em mulher. Esses machos escrotos que ganham uns trocados e acham que podem tudo”, afirmou Antônia Fontenelle. Ao criticar DJ Ivis, Fontenelle escreveu: “Esses paraíbas fazem um pouquinho de sucesso e acham que podem tudo. Amanhã vou contatar as autoridades do Ceará para entender por que esse cretino não foi preso”.

Leia também: Juliette é nova apresentadora do programa TVZ do Multishow

Juliette, campeã do BBB 21, que nasceu em Campina Grande, na Paraíba, não gostou do comentário feito pela influenciadora. “Não é força de expressão, é xenofobia. Não existe ‘ser Paraíba’ e ‘fazer paraibada’. Existe ser PARAIBANA/O, o que sou com muito orgulho. Tire seu preconceito do caminho, que vamos passar com a nossa cultura e não vamos tolerar atitudes machistas e xenofóbicas de lugar algum”, publicou Juliette no Twitter.

Em seu Instagram, a campeã do BBB 21 também falou sobre o assunto. “Essa não é a primeira vez que eu escuto alguém usar o termo Paraíba de forma pejorativa. Paraíba é o estado da Paraíba. Se quer usar um adjetivo ruim, use agressor, criminoso. ‘Ah, foi sem maldade’. Pouco importa. Isso machuca”, falou Juliette em seu Instagram Stories.

Leia também: Wesley Safadão e Juliette preparam apresentação para Criança Esperança

Outros famosos também criticaram a fala da influenciadora. “Paraibada não existe e xenofobia é crime. Paraibada não, paraibanos com muito orgulho”, publicou Elba Ramalho.




Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.