Como saber se a mensagem que recebeu é golpe?

1

A cada dia surge um novo golpe no meio digital. Muitos criminosos migraram da rua para dentro dos celulares.

É muito comum hoje em dia ouvir falar sobre diferentes tipos de golpes aplicados por whatsapp, sms, email, redes sociais, e por aí vai.

Segundo dados da Serasa Experian, só no ano de 2021, foram mais de 4 milhões de tentativas de fraudes no Brasil, um aumento de 16,8% em relação a 2020. Isso quer dizer que, a cada sete segundos, há uma tentativa de fraude no país.

Você sabe como se proteger? Então aprenda a se proteger com as dicas a seguir, para não se tornar uma vítima destes golpes, e para continuar recebendo e enviando suas mensagens desejando boa noite e bom dia sem se preocupar.

Como são essas mensagens?

Um tipo de golpe muito comum é o “smishing” que junta “SMS” e “phishing”. Na mensagem consta um link malicioso, que redireciona o usuário para uma página falsa, onde pode estar solicitando informações como nome e até mesmo dados bancários.

Estes links geralmente são encurtados e não mostram o real nome da página onde será direcionado. Por isso a importância de se utilizar algum verificador de url, como o site do PSafe.

Na maioria das vezes são mensagens apelativas, constando ofertas de emprego absurdas, promoções falsas, e tudo isso para servir como um atrativo para que você clique no link.

E caso você caia no golpe, pode acabar sofrendo prejuízos.

Dicas para se proteger dos golpes no celular

São muitos os tipos de golpes no celular, e o mais importante é evitar perdas financeiras. Estas dicas simples vão te ajudar a se proteger:

  • Autenticação de dois fatores e verificadores de url são recursos que podem ser utilizados para ajudar a combater fraudes recebidas por mensagens. Se você receber alguma mensagem com um link, é bom utilizar estes recursos antes de clicar.
  • É importante ter uma atenção especial para os aplicativos de bancos. Evite usar a mesma senha em outros aplicativos.
  • Use sempre uma tela de bloqueio com senha ou código no seu celular para evitar que qualquer pessoa possa ter acesso fácil a seus aplicativos. Também é importante configurar o tempo de bloqueio para 30 segundos, para que, caso você esqueça de bloquear a tela, ela seja bloqueada automaticamente em 30 segundos.
  • É importante estar atento a qualquer mensagem que esteja oferecendo algo que seja bom demais para ser verdade.
  • Desconfie principalmente se a mensagem for enviada por um número fixo ou por um número desconhecido.
  • Nunca informe senhas, dados bancários, documentos ou informações pessoais por mensagens.
  • Caso receba um golpe, você pode bloquear e denunciar o número.
  • Não deixe senhas anotadas em blocos de notas ou aplicativos do celular.
  • Uma dica interessante é não deixar o email de acesso ao banco ou aplicativos mais sensíveis cadastrado no celular. Caso alguém tenha acesso ao aparelho, pode utilizar o recurso de “esqueci a senha”, e o link para redefinição será enviado para o próprio aparelho, facilitando o acesso de terceiros à sua conta.
  • Evite utilizar o recurso de salvar senhas nos navegadores ou sites.

Apesar do número de golpes ter aumentado nos últimos anos, a segurança dos aplicativos de mensagens como WhatsApp e Telegram, de sites de compartilhamento de frases e mensagens, também são reforçadas. Cabe a cada usuário ficar atento e tomar medidas básicas de segurança para evitar qualquer tipo de golpe online.

1 comentário
  1. Ellen Diz

    Ótimas dicas!!! Eu não sabia de quase nenhuma!!! Vou aplicar no meu celular. Nunca recebi mensagens suspeitas mas conheço pessoas que já foram vítimas de golpe por clicar em links de promoções falsas!!! Obrigada, adorei

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.