Ney Matogrosso e Nação Zumbi juntos no palco do Fantástico

0



No Fantástico deste domingo (3), Ney Matogrosso e a Nação Zumbi se reúnem no estúdio para cantar sucessos da banda ‘Secos e Molhados’ com novos arranjos, além de músicas próprias. É uma prévia do que vão mostrar no Palco Sunset da próxima edição do Rock in Rio.

Veja também: Padre Fábio de Melo diz em entrevista para o Fantástico: ‘Eu não queria mais ser padre’; veja vídeo

“Para nós, o encontro funcionou como ensaio”, conta Ney. “O álbum do Secos e Molhados de 1973 era muito à frente do seu tempo”, conta o vocalista Jorge Du Peixe. “Em uma época em que não se podia dizer muito, o Ney falava com os olhos”, complementa o baterista e percussionista Pupillo. “Quando eu ouço o disco, penso como a censura deixou passar aquelas músicas. Mas algumas, como ‘Tem Gente com Fome’, eu só pude gravar em 1985”, lembra Ney Matogrosso.

Ainda na atração, para lembrar da abertura da 18ª edição da Bienal do Livro, o programa encontra na dramaturgia uma solução diferente e criativa para apresentar o evento ao grande público. Pippo (Pedro Henriques Motta), Sol (Letícia Braga) e Bento (Anderson Lima), os queridos personagens da série ‘Detetive do Prédio Azul’, também são convidados para ajudar na solução de um mistério.

Enquanto encaram a missão de encontrar uma caixa de livros, que seria doada para uma escola e foi confiscada pela síndica, Dona Leocádia (Tamara Taxmann), eles passam informações sobre o evento. No caminho, contam com a ajuda de alunos da rede pública de ensino do Rio de Janeiro.






Ney Matogrosso e Nação Zumbi fazem um pocket show no Fantastico






Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.