Mulher que atacou médico-veterinário tem empresa com capital de R$ 94 mil e marido recebe auxílio emergencial

0

Nívea Valle del Maestro é o nome da mulher que atacou verbalmente um médico-veterinário, durante uma fiscalização no Rio de Janeiro, e que apareceu em uma matéria do Fantástico no domingo (5).




A engenheira química atacou: “Cidadão não, engenheiro civil, formado, melhor do que você”.

O marido dela, Leonardo Santos Neves Barros, que também apareceu na reportagem criticando a fiscalização de bares e restaurantes, está recebendo o auxílio emergencial do governo federal.

Cursos EAD gratuitos do Ministério da Saúde recebem inscrições

Porém, Nívea é sócia de uma empresa que presta serviços de engenharia, localizada na Barra da Tijuca, e que tem capital social de R$ 94 mil.

Além da empresa AC Engenharia e Consultoria EIRELI, Nívea também estava empregada e foi demitida após a repercussão da matéria do Fantástico.

Uma das regras para receber o auxílio emergencial, programa do governo federal criado durante a pandemia de coronavírus, é não ter renda familiar superior a três salários mínimos.

O cadastro de Leonardo Santos Neves Barros pode ser acompanhado no Portal da Transparência (clique aqui). No mesmo endereço é possível ter acesso aos dados de todos os beneficiários e denunciar pessoas que estejam recebendo o auxílio emergencial indevidamente.

Médico veterinário de 40 anos morre com Covid-19




Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.