PIX: Banco Central propõe 4 saques gratuitos por mês e limite de R$ 500 por dia

0

Nesta segunda-feira (10), o Banco Central (BC) abriu consulta pública sobre modalidades do Pix. O sistema atualmente em vigor em todo o país permite pagamentos e transferências feitas de forma instantânea entre pessoas, empresas e governo. As movimentações são feitas 24 horas por dia, todos os dias, incluindo feriados.




O Banco Central fez a proposta de disponibilizar duas novas modalidades. Primeiro, o PIX saque, feito exclusivamente para saque, e o PIX troco, associado a compra ou prestação de serviço. Todos brasileiros que possuírem conta em uma instituição participante do PIX poderão fazer uso das duas modalidades.

O BC também sugere que sejam liberadas quatro operações gratuitas por mês das novas modalidades. “A partir da quinta transação, as instituições financeiras ou de pagamentos detentoras da conta do sacador poderão cobrar uma tarifa pela transação. Os sacadores não poderão ser cobrados diretamente pelos agentes de saque”, disse o banco.

O banco informou ainda que deve definir valor máximo de saque por dia, inicialmente estipulado em R$ 500.”Todas essas regras estão sendo submetidas a contribuições da sociedade [por meio da consulta pública] e serão aperfeiçoadas após o processamento das sugestões recebidas”, informou. A previsão é de que o PIX saque fique disponível em meados de agosto deste ano.

A consulta pública fica disponível até dia 9 de junho, no site do BC.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.